…o provincianismo português…

1526845_575169282577229_640644053_n

…o provincianismo português é um fruto carnudo de cultura estrutural, tem uma casca exterior dura de direita mole antiquada, e sob ela, sua “filha”, uma segunda casca mais fina de esquerda dura «de vanguarda»…
…fruto?…
…nenhum…
…só um imenso caroço de mesquinhez azeda «traçada» de alegrias bouçais…

[P.S. (salvo-seja!) quanto à imagem: não só o bigode mais curto como uma «ligeira» “diferença” quanto ao numero de mortos que produziram, a saber mais ou menos vinte e dois milhões de mortos para o nazismo; e, cento e dez milhões de mortos para o marxismo-leninismo (por enquanto, que saldo ainda não terminou)… …em fim, mais milhão, menos milhão… …o que é que isso importa, não é?… …para mim foi óptimo tomar consciência destes números, de como foram produzidos, quem os produziu e com que fundamentos e metas a atingir… …curei-me logo de um mal terrível de que padecia… …a maldita “ideologia”, sub-produto nefasto da Filosofia… …livrei-me de imediato dela!… …estou agora muito melhor, obrigado…]

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s